"PROJETO CARNAVAL"


Documentos apreendidos na Telefônica revelam estratégia das empresas para eliminar descontos

Teles querem Embratel para cobrar "pelo teto"  (Folha de SP 25/04/04) 
Teles vão dominar controlador da Embratel (Folha de SP 25/04/04)
SDE vai investigar acordo das telefônicas (Folha de SP 26/04/04) 
BNDES é contra elevação de tarifas telefônicas 'pelo teto' (Computerworld 26/04/04)
Embratel reforça no Cade, SDE e Anatel denúncia contra teles (Folha de SP 26/04/04)
Polícia apura se Telefônica tentou criar cartel (Folha de SP 27/04/04) 
Redação da lei vai ser investigada (Folha de SP 27/04/04)

Governo investigará telefônicas Reportagem CBN

Secretaria analisará documentos apreendidos pela polícia; 
objetivo de empresas seria elevar as tarifas.

Especialista diz que órgãos de fiscalização da concorrência vão impedir compra da Embratel pelas telefônicas Telecom Brasil, Telefônica e Telemar

Entrevista com Rubens Glasberg, jornalista especializado em Telecomunicações e diretor da Revista Teletime

Presidente do Cade diz que alta concentração dos serviços de telefonia será um fator decisivo para definir a venda da Embratel
O presidente do Conselho de Administração Econômica (Cade), João Grandino Dias, afirmou hoje à CBN que existe um mínimo concorrencial na área de telefonia do país. Sobre a possível compra da Embratel, Dias disse que ainda não é possível afirmar que a concorrência será prejudicada caso a empresa seja adquirida pelo consórcio formado por Telefônica, Brasil Telecom e Telemar.

Entrevista com João Grandino Dias, presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade)

Veja como a Privatização do Sistema Telebrás cometeu abusos, ilegalidades e
toda sorte de arbitrios, ao arrepio da LEI e do ESTADO DE DIREITO
http://www.psiplus.com.br/anatel_caso_de_provedora_0900.html


TELECOMUNICAÇÕES - A volta do monopólio
http://observatorio.ultimosegundo.ig.com.br/artigos/pb20062000.htm